Oftalmologia/Olhos -
Esta página já teve 132.447.115 acessos - desde 16 maio de 2003. Média de 24.706 acessos diários
home | entre em contato
 

Oftalmologia/Olhos

Noções sobre os olhos

06/07/2004
Noções Básicas de Oftalmologia

Dra. Rosa M. Graziano 


1 - Nem todo olho vermelho é conjuntivite!

As causas mais comuns de conjuntivite são: infeções, alergias e irritações. De acordo com a etiologia de cada uma, o tratamento se diferencia. As conjuntivites infecciosas mais frequentes são as bacterianas e as virais.

a) bacterianas - podem ser agudas, com abundante secreção mucopurulenta ou crônicas, com pouca ou nenhuma secreção.

b) virais- algumas viroses são acompanhadas de faringite, coriza, intenso lacrimejamento e fotofobia. São causas comuns de conjuntivite e ceratite.

As alergias frequentemente causam vermelhidão, prurido e secreção aquosa; mas também podem se apresentar na forma de olho vermelho.

Os irritantes como a fumaça ou poeira podem causar conjuntivite irritativa.

Outras causas de olho vermelho: queimaduras químicas, hemorragias conjuntivais, corpos estranhos, a uveíte, úlcera de córnea e glaucoma agudo.

2 - Nem todo lacrimejamento é devido a obstrução da via lacrimal!

Todo recém-nascido que apresentar fotofobia e lacrimejamento persistente deve ter afastada a possibilidade de glaucoma congênito, Nestes casos o olho é maior e a córnea frequentemente apresenta transparência diminuída. O glaucoma congênito deve ser reconhecido nos primeiros dias de vida e a correção cirúrgica realizada com urgência.

A obstrução de via lacrimal deve ter seu tratamento cirúrgico postergado até 6-8 meses, pois geralmente resolve-se espontaneamente.

3 - Quando não há queixa ocular, a criança não necessita fazer exame oftalmológico!?

O exame oftalmológico deve ser realizado, sempre, entre 3 e 7 anos, pois com 3 anos já se consegue uma boa colaboração da criança, e se terá tempo de combater a ambliopia ou tratar alguma doença presente. A criança levará para o resto da vida a visão que tiver aos 10 anos. Muitas crianças parecem enxergar bem, mas o fazem com um olho só, ou por ter grau diferente em cada olho (anisometropia).

 

www.doutorvisao.com.br


IMPORTANTE

  •  Procure o seu médico para diagnosticar doenças, indicar tratamentos e receitar remédios. 
  • As informações disponíveis no site da Dra. Shirley de Campos possuem apenas caráter educativo.
Publicado por: Dra. Shirley de Campos
versão para impressão

Desenvolvido por: Idelco Ltda.
© Copyright 2003 Dra. Shirley de Campos