-
Esta página já teve 132.451.123 acessos - desde 16 maio de 2003. Média de 24.706 acessos diários
home | entre em contato
 

Gravidez/Parto/Obstetrícia

Cirurgia Endoscópica a Laser versus Âmnio-redução Seriada para Síndrome de Transfusão Gêmelo-gemelar Severa

16/09/2004
 




Gestações gemelares complicadas por síndrome de transfusão gêmelo-gemelar no meio da gestação podem ser tratadas tanto por âmnio-redução (remoção de grandes volumes de líquido amniótico) ou coagulação a laser fetoscópica seletiva dos vasos coriônicos comunicantes. Pesquisadores franceses, juntamente com belgas, realizaram um estudo randomizado, recentemente publicado no The New England Journal of Medicine, para comparar a eficácia e a segurança desses dois tratamentos.

 

Gestantes com síndrome de transfusão gêmelo-gemelar antes de 26 semanas de gestação foram randomizadas para terapia a laser e âmino-redução. Foram avaliadas as sobrevivências perinatal de pelo menos um feto (um resultado primário pré-específico), e de pelo menos um feto aos seis meses de vida isoladamente e sem complicações neurológicas, baseado no número de gestações ou número de fetos ou crianças, como apropriado.

 

O estudo foi concluído precocemente, após 72 mulheres terem sido destinadas ao grupo de tratamento a laser e 70 ao de âmnio-redução, já que uma análise planejada interina demonstrou um benefício significativo no grupo a laser. Quando comparado com o grupo de âmnio-redução, o grupo a laser teve maior valor preditivo de sobrevivência de pelo menos um gemelar até 28 dias de vida (76% vs. 56%; risco relativo de morte de ambos os fetos 0,63; intervalo de confiança de 95% 0,25 a 0,93; P = 0,009) e seis meses de vida (P = 0,002). As crianças no grupo a laser também tiveram menor incidência de leucomalácia periventricular cística (6% vs. 14%; P = 0,02) e tiveram maior tendência a não terem complicações neurológicas aos seis meses de vida (52% vs. 31%; P = 0,003).

 

Os autores concluíram que a coagulação das anastomoses a laser é um tratamento de primeira linha mais efetivo que a âmnio-redução seriada para a síndrome de transfusão Gêmelo-gemelar diagnosticada antes de 26 semanas de gestação.

Endoscopic Laser Surgery versus Serial Amnioreduction for Severe Twin-to-Twin Transfusion Syndrome - The New England Journal of Medicine; 2004; 351(2): 136-144

ABSTRACT

Background Monochorionic twin pregnancies complicated by severe twin-to-twin transfusion syndrome at midgestation can be treated by either serial amnioreduction (removal of large volumes of amniotic fluid) or selective fetoscopic laser coagulation of the communicating vessels on the chorionic plate. We conducted a randomized trial to compare the efficacy and safety of these two treatments.

Methods Pregnant women with severe twin-to-twin transfusion syndrome before 26 weeks of gestation were randomly assigned to laser therapy or amnioreduction. We assessed perinatal survival of at least one twin (a prespecified primary outcome), survival of at least one twin at six months of age, and survival without neurologic complications at six months of age on the basis of the number of pregnancies or the number of fetuses or infants, as appropriate.

Results The study was concluded early, after 72 women had been assigned to the laser group and 70 to the amnioreduction group, because a planned interim analysis demonstrated a significant benefit in the laser group. As compared with the amnioreduction group, the laser group had a higher likelihood of the survival of at least one twin to 28 days of age (76 percent vs. 56 percent; relative risk of the death of both fetuses, 0.63; 95 percent confidence interval, 0.25 to 0.93; P=0.009) and 6 months of age (P=0.002). Infants in the laser group also had a lower incidence of cystic periventricular leukomalacia (6 percent vs. 14 percent, P=0.02) and were more likely to be free of neurologic complications at six months of age (52 percent vs. 31 percent, P=0.003).

Conclusions Endoscopic laser coagulation of anastomoses is a more effective first-line treatment than serial amnioreduction for severe twin-to-twin transfusion syndrome diagnosed before 26 weeks of gestation.


IMPORTANTE

  •  Procure o seu médico para diagnosticar doenças, indicar tratamentos e receitar remédios. 
  • As informações disponíveis no site da Dra. Shirley de Campos possuem apenas caráter educativo.
Publicado por: Dra. Shirley de Campos
versão para impressão

Desenvolvido por: Idelco Ltda.
© Copyright 2003 Dra. Shirley de Campos