- Atrofias
Esta página já teve 133.070.628 acessos - desde 16 maio de 2003. Média de 24.666 acessos diários
home | entre em contato
 

Clínica médica/Intensiva/Enfermagem

Atrofias

24/10/2004

ATROFIA


Definição: Diminuição adquirida do volume de um órgão ou tecido normalmente desenvolvido, através de redução no número,  ou no volume das células, ou ambos. 

 
Atrofia simples : devida a redução no volume celular, sem alteração no número de células.  Ex:  atrofia de fibras musculares esqueléticas na desnervação. 
Ver lâm. A. 21/35

 
HANSENÍASE
Atrofia numérica : devida a redução no número das células.  Ex. atrofia dos túbulos seminíferos na hanseníase. 
Ver lâm. A. 21/35.

Outro ex. atrofia do timo e outros órgãos linfóides com a idade.

NORMAL

Hipotrofia: Sinônimo de atrofia.
Aplasia ou agenesia: Ausência congênita de um órgão.
Hipoplasia: Incapacidade de um órgão ou estrutura de atingir o volume adulto normal.
 
 

Classificação das atrofias segundo a causa.





A) Atrofias fisiológicas. Redução do volume de órgãos pelo processo normal de envelhecimento.   Ex.  timo e órgãos linfóides na puberdade;  útero e mamas na menopausa.

B) Atrofias patológicas. Redução do volume de órgãos além do limite normal de variabilidade.
 

1) Atrofia por inanição.  Ex: No jejum prolongado ou na desnutrição crônica, o primeiro tecido a atrofiar-se é o adiposo. Segue-se musculatura esquelética, tecido linfóide, pele, glândulas. Os mais resistentes são os pulmões, coração e cérebro.

2) Atrofia por desuso.   Ex: musculatura esquelética imobilizada por gesso, ou desnervada.  A atrofia dita neurogênica entra nesta categoria.

3) Atrofia vascular  por diminuição da circulação local. Ex: hipotrofia de um rim por redução da luz da artéria renal por uma placa de ateroma. Hialinização dos glomérulos renais na arteriolosclerose. Atrofia cerebral na aterosclerose.  (Não deixa de ser uma forma de atrofia por inanição).

4) Atrofia endócrina  (falta de fatores hormonais estimulantes). Ex. atrofia da tiróide, supra-renais e gônadas após lesões da hipófise, ex, tumores.

5) Atrofia por compressão.  Ex. tumores, cistos, aneurismas comprimem a microcirculação de um órgão, diminuindo a oxigenação e nutrição celulares. Ex:  rim na hidronefrose. (Não deixa de ser uma forma de atrofia de causa vascular).

www.fcm.unicamp.br


IMPORTANTE

  •  Procure o seu médico para diagnosticar doenças, indicar tratamentos e receitar remédios. 
  • As informações disponíveis no site da Dra. Shirley de Campos possuem apenas caráter educativo.
Publicado por: Dra. Shirley de Campos
versão para impressão

Desenvolvido por: Idelco Ltda.
© Copyright 2003 Dra. Shirley de Campos