- Mastite
Esta página já teve 132.458.816 acessos - desde 16 maio de 2003. Média de 24.708 acessos diários
home | entre em contato
 

Gravidez/Parto/Obstetrícia

Mastite

13/01/2005

Janet M. Torpy, MD, Writer; Cassio Lynm, MA, Illustrator; Richard M. Glass, MD, Editor

Mastite significa inflamação (lesão provocada por inflamação ou irritação) no tecido do seio. A mastite ocorre em mais de um terço das mulheres que estão amamentando (dando de mamar) e quando ocorre após o parto tem o nome de mastite da lactação. Quando a mastite da lactação é devida à infecção, é geralmente causada por bactérias, apesar de infecções por fungos poderem também causar mastite. Muitos dos casos da mastite da lactação ocorre nos primeiros três meses após o parto, podendo, porém, ocorrer em qualquer tempo durante a amamentação. Quando a mastite é grave, um abscesso (coleção de pus localizada resultante de uma infecção) pode se desenvolver no seio afetado.

SINTOMAS DA MASTITE DA LACTAÇÃO

  • Febre
  • Área vermelha no seio, normalmente bem delimitada e endurecida.
  • Seio quente e dolorido.
  • Dor durante a amamentação (pode também ser causada por assaduras ou fissuras nos mamilos sem mastite)

FATORES DE RISCO PARA O DESENVOLIMENTO DA MASTITE

  • Mastite em gravidez anterior.
  • Mamilos dolorosos ou com rachaduras.
  • Fazer uso de somente uma posição para amamentar de forma que ambos os seios não se esvaziem por inteiro.

TRATAMENTO DA MASTITE

Continue a amamentar e use várias posições para amamentar de forma a esvaziar os dois seios por completo ou pelo menos esvaziar um seio em cada mamada.

Esvazie completamente o seio afetado mesmo que por expressão manual.

Compressas mornas ou banhos quentes.

Aumente a ingestão de líquidos.

Repouse no leito.

Medicação para a dor se necessário.

Antibióticos se prescritos por seu médico.

Se você pensa que tem mastite, procure seu médico. Em muitos casos a mastite é tratada de forma simples.

Continue a amamentar já que a mastite não afeta seu recém- nascido.

A mastite pode ocorrer em mulheres mais velhas que não estejam amamentando. Esta forma de mastite é chamada mastite pariductal. Os ductos de leite perto do mamilo se tornam inflamados, causando dor no seio. Existe também uma massa no seio perto do mamilo, retração do mamilo ou saída de líquido pelo mamilo.

Como o câncer de seio também pode ser causa destes sintomas é importante que você consulte seu médico se apresentar algum destes sintomas. O tratamento da mastite periductal pode incluir antibióticos ou cirurgia se a mastite periductal é severa.

Existe uma forma de câncer de seio chamado câncer de seio inflamatório que pode ser confundido com a mastite. Como o câncer de seio inflamatório cresce rapidamente, é muito agressivo e mortal, deve ser diagnosticado o mais cedo possível. A febre geralmente ocorre na mastite, porém raramente com o câncer inflamatório de seio.

Fonte: JAMA. 2003;289:1728. Vol. 289 No. 13, April 2, 2003


IMPORTANTE

  •  Procure o seu médico para diagnosticar doenças, indicar tratamentos e receitar remédios. 
  • As informações disponíveis no site da Dra. Shirley de Campos possuem apenas caráter educativo.
Publicado por: Dra. Shirley de Campos
versão para impressão

Desenvolvido por: Idelco Ltda.
© Copyright 2003 Dra. Shirley de Campos