Imunologia/Imunidade -
Esta página já teve 133.111.498 acessos - desde 16 maio de 2003. Média de 24.664 acessos diários
home | entre em contato
 

Imunologia/Imunidade

Autoimunidade: algumas doenças

07/02/2005

 

    • Lupus Eritematoso Sistêmico /SLE :
      Doença auto imune crônica, remitente, multisistemica, mais freqüente em mulheres;
      Caracterizada por lesões cutâneas, glomerulonefrite, artrite, anemia hemolítica, trombocitopenia e alterações do SNC.
      AutoAc diversos e múltiplos: O mais comum é o anti-DNA, anti-Ribonucleoproteinas, anti-Histonas, Ags Nucleolares, anti-hsp 70 e anti-hsp90
      Imuno Complexos irão se depositar em pequenos vasos e causar as lesões.
      Histopatologia: infiltrado linfocíticos com mucinas, vacuolização e espessamento PAS + de membrana basal
 
 
    • Artrite reumatóide:
      Doença lítica das articulações (principalmente das extremidades/dedos) caracterizadas por sinovite não supurada proliferativa e condrólise, com subsequente deposição de fibrinóide, necrose focal, fibrose e calcificação.
      Células T CD4+ (IL-1, TNF e IFNg), Células B Ativadas, Plasmócitos and GC presentes na sinovia inflamada.
      Ag(s) Iniciador é desconhecido (EBV?, hsp65 ?), mas vasculite , artrite e lesão pulmonar causada por deposição de IC (Ag-Ac)
      Fatores reumatóides = IgM ou IgG reativos contra as porções Fc da própria IgG (mas aparentemente sem importância nas articulações).
 
    • Febre reumática e doença reumática cardíaca:
      Cardite aguda (particularmente na mitral), nódulos cutâneos e poliartrite que freqüentemente segue uma faringite por Streptococcus b hemolítico do grupo A. (Reação cruzada entre Proteína M do Streptococcus e as miosinas cardíacas, tropomicinas e elastina valvular humanas). Nódulos de Aschoff são característicos. As vegetações valvulares são estéreis.
 
 
    • Síndrome de GoodPasture:
      Hemorragias pulmonares + Glomerulonefrite grave devido à Auto Ac que se prendem a epitopos de colágeno tipo IV encontrado nas in membranas basais dos alvéolos pulmonares e capilares glomerulares
 
 
    • Anemia hemolítica auto imune e trombocitopenia:
      lise das células circulantes dependente de C', com opsonização e maior fagocitose por MN.
 
 
    • Cirrose primaria biliar:
      Pequenos dúctulos biliares são afetados, mas os autoAc (anti Ags mitocondriais) podem reagir contra Ag mitocondrial de qualquer célula do corpo.
 
 
    • Diabetes mellitus dependente de Insulina /IDDM ou Juvenil ou Tipo 1
      Deficiência de insulina ou sua função inadequada, levando à cetoacidose, sede e poliúria (Ý urina).
      Lesões vasculares ateroscleróticas progressivas e subsequente gangrena das extremidades, insuficiência renal e cegueira. (aneurismas arteriais + fragilidade vascular)
      Pico em 11 para 12 anos
      Resulta em destruição das células b produtoras de insulina das ilhotas de Langerhans no pâncreas por CTL's e auto Ac. (Insulitis). Células sobreviventes das ilhotas expressam MHC II (expressão aberrante provavelmente por produção local excessiva de IFNg e outras citocinas por linfócitos T). Tal expressão anormal pode amplificar as respostas de células T e amplificar a lesão nas ilhotas.
      Ags = insulina e Ag de 64Kda das células das ilhotas
       
    • Diabetes mellitus resistente à Insulina /IRDM
        Ac anti Receptor da Insulina
 
    • Tireoidite autoimune
      Ac anti tireoglobulina e enzima peroxidase tireoideana
 
    • Miastenia Gravis
      Doença Neuromuscular auto imune caracterizada por sensibilidade diminuída das membranas pós sinápticas à Acetilcolina (Ach).
      Auto Ac bloqueia ou reprime os receptores da Acetil colina (AChR) (Ac anti cadeia a do Receptor da Ach)
 
 
    • Poliarterite Nodosa/PN
      Doença inflamatória necrotizante de pequenas artérias, focal, aleatória.
      Histologicamente lembra a Reação de Arthus com considerável deposição de imuno complexos Ag/Ac (iniciação da lesão).
      Alta incidência em pacientes positivos para HBsAg (Hepatitis B surface Ag)
      Rins, coração, fígado e trato GI mais freqüentemente afetados.
      Lesões necrotizantes começam na intima e se estende da media para a adventícia, com deposição de fibrinóide, destruição da lamina interna elástica e fibrose.
 
    • Pemphigus Vulgaris
      Ac anti Ags cutâneos (junções intercelulares das células epidérmicas)
 
    • Esclerose Múltipla
      Doença degenerativa causada por Auto Ac anti Proteína Básica de Mielina /MBP

www.icb.ufmg.br


IMPORTANTE

  •  Procure o seu médico para diagnosticar doenças, indicar tratamentos e receitar remédios. 
  • As informações disponíveis no site da Dra. Shirley de Campos possuem apenas caráter educativo.
Publicado por: Dra. Shirley de Campos
versão para impressão

Desenvolvido por: Idelco Ltda.
© Copyright 2003 Dra. Shirley de Campos