Dermatologia/Pele - Dermatite de Contato das Mãos
Esta página já teve 116.531.315 acessos - desde 16 maio de 2003. Média de 27.686 acessos diários
home | entre em contato
 

Dermatologia/Pele

Dermatite de Contato das Mãos

26/03/2005
 


          A dermatite de contato das mãos é caracterizada pela presença de lesões de pele que podem apresentar vermelhidão, inchaço, bolhas de água, secreção (eliminação de líquido), crostas, rachaduras e descamação nas palmas ou sobre o dorso das mãos.  Associa-se a dor e/ou coceira.

          É causada pelo contato direto com substâncias irritantes (dermatite de contato por irritante primário) ou que produzam alergia (dermatite de contato alérgica). Em qualquer um dos casos a dermatite tanto pode ter origem ocupacional (no trabalho) como pela simples manipulação de frutas, legumes, temperos, substâncias químicas e outros produtos presentes no dia-a-dia.

          É  uma afecção freqüente e geralmente incapacitante, pois mantém a pessoa afastada de suas atividades habituais por algum tempo até que haja melhora . 

          As dicas abaixo relacionadas servem como guia para prevenir que lesões deste tipo ocorram, para aliviar os sintomas durante a apresentação do quadro e para aumentar os intervalos livres da doença . 

  • Manter as mãos limpas, secas e  hidratadas o máximo de tempo que for possível.
  • Evitar o contato direto das mãos com qualquer produto de composição desconhecida ou que apresente potencial irritante
  • Usar luvas de borracha ou de plástico para proteger as mãos do contato com qualquer substância de uso profissional ou doméstico
  • Embaixo das luvas de borracha ou de plástico, usar luvas de algodão ou de suedine, tecidos que absorvem o suor e a umidade mantendo as mãos secas por mais tempo. 
  • Trocar as luvas de baixo sempre que estiverem sujas, úmidas ou molhadas.
  • Os cremes com silicone podem ser usados como uma tênue barreira de proteção (luvas de silicone) devendo ser reaplicados freqüentemente.
          É importante enfatizar que a dermatite de contato não tem cura definitiva sendo fundamental afastar-se do agente causador (contactante).

 

www.drgate.com.br


IMPORTANTE

  •  Procure o seu médico para diagnosticar doenças, indicar tratamentos e receitar remédios. 
  • As informações disponíveis no site da Dra. Shirley de Campos possuem apenas caráter educativo.
Publicado por: Dra. Shirley de Campos
versão para impressão

Desenvolvido por: Idelco Ltda.
© Copyright 2003 Dra. Shirley de Campos