Alternativa/Fitoterapia/Acupuntura -
Esta página já teve 132.446.284 acessos - desde 16 maio de 2003. Média de 24.706 acessos diários
home | entre em contato
 

Alternativa/Fitoterapia/Acupuntura

Anvisa autoriza remédio fitoterápico contra herpes labial

25/06/2005
 

O Centro de Pesquisa Clínica da UFF, Universidade Federal Fluminense, desenvolveu, em parceria com o laboratório de produtos fitoterápicos Herbarium, um novo método de tratamento contra herpes labial. O gel é produzido a partir de uma planta conhecida popularmente como unha-de-gato (Uncaria Tomentosa).

No dia 14 de abril, o gel recebeu aval da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) para ser comercializado, o que deve acontecer a partir de julho. O preço do produto, que tem ação antiinflamatória, analgésica e imuno-estimulante, ainda não foi definido.

O herpes é uma infecção causada pelo vírus Herpes simplex e atinge até 40% da população mundial. Quando em contato com a pele, o vírus é absorvido, percorre um nervo e se instala no organismo, onde fica "adormecido" até ser novamente reativado.

Fatores como exposição à luz solar intensa, fadiga física e mental, estresse emocional, febre ou outras infecções que diminuam a resistência orgânica fazem com que o vírus saia do estado dormente e se manifeste nos lábios ou próximo ao nariz.

"As bolinhas do herpes são diferentes da acne, são doloridas e têm um líquido interno purulento", explica Luiz Querino Caldas, médico alergista e toxicologista da UFF e autor do estudo sobre o novo medicamento.

O tratamento tradicional é feito por meio da droga Aciclovir. Segundo Caldas, o estudo feito com o gel anti-herpético mostrou diminuição do período de coceira, menos dor e inchaço, bolhas menores e menor tempo de manifestação do vírus. O próximo passo da pesquisa é analisar a ação antiviral da planta.

A dermatologista Denise Steiner, presidente da Sociedade Brasileira de Dermatologia, regional São Paulo, afirma ainda não conhecer os efeitos do tratamento fitoterápico contra o herpes.

"O Aciclovir tem efeito antiviral comprovado, o que interfere diretamente no crescimento do vírus. O gel não comprovou sua ação antiviral. Mas o que a Anvisa preconiza com certeza é bom."

O dermatologista Vidal Haddad Junior, professor da Unesp, reforça o que disse Denise Steiner. "Não há estudos que comprovem que a nova pomada impedirá a transmissão do vírus do herpes. A vantagem é ela ter menos efeitos colaterais."

A dermatologista Aparecida Machado de Moraes, da Unicamp, disse que o extrato de unha-de-gato costuma ser usado como antiinflamatório para melhorar a resistência dos tecidos. "É usado para tratar afta, por exemplo", afirma a médica.

Fonte: Folha de S.Paulo


IMPORTANTE

  •  Procure o seu médico para diagnosticar doenças, indicar tratamentos e receitar remédios. 
  • As informações disponíveis no site da Dra. Shirley de Campos possuem apenas caráter educativo.
Publicado por: Dra. Shirley de Campos
versão para impressão

Desenvolvido por: Idelco Ltda.
© Copyright 2003 Dra. Shirley de Campos