-
Esta página já teve 132.446.211 acessos - desde 16 maio de 2003. Média de 24.706 acessos diários
home | entre em contato
 

Gastroenterologia/Proctologia/Fígado

Erradicação de H.pylori em pacientes portadores de dispepsia funcional é eficaz na melhora dos sintomas dispépticos

01/07/2005
 




Pesquisadores publicaram, recentemente, no Medicina Clinica (Barcelona), um estudo em que procuraram avaliar o efeito, comparado a placebo, da erradicação do Helicobacter pylori em pacientes portadores de dispepsia funcional. A erradicação do H.pylori em pacientes portadores de dispepsia funcional foi o foco de estudo de diversos ensaios clínicos, que apresentaram conclusões contraditórias.

 

Foi desenhado um ensaio clínico aleatorizado, duplo cego, controlado por placebo, composto por 158 pacientes atendidos por médicos de família (Área 10 de Cuidados Primários, Instituto de Saúde de Madrid), portadores de dispepsia funcional e infectados pelo H.pylori, detectado pelo teste da urease à endoscopia. Os pacientes foram distribuídos, aleatoriamente, nos grupos experimental (n=79) e controle (n=79). Durante sete dias, o grupo experimental recebeu tratamento com Omeprazol 20mg duas vezes ao dia, Claritromicina 500mg duas vezes ao dia e Amoxicilina 1000mg duas vezes ao dia, enquanto que o grupo controle recebeu placebo duas vezes ao dia. A melhora da dispepsia foi avaliada através da escala de Likert (cinco passos), e a erradicação do H.pylori foi avaliada pelo teste expiratório da uréia marcada com carbono-13 durante um ano.

 

Os grupos eram homogêneos em relação a idade, sexo e grau de dispepsia. A idade média (desvio padrão) dos pacientes estudados foi igual a 41,99 (13,93) anos. Após seguimento de um ano, detectou-se erradicação do H.pylori em 81,01% (64/79) dos pacientes do grupo experimental e em 5,06% (4/79) dos pacientes do grupo controle. A diferença da melhora da dispepsia (22,78%; IC95% = 7,62 – 37,79) entre o grupo experimental (41,77%; IC95% = 30,77 – 53,41) e o grupo controle (18,99%; IC95% = 11,03 – 29,38) foi significante (p<0,002).

 

Portanto, os pesquisadores concluíram que a erradicação do H.pylori em pacientes portadores de dispepsia funcional é mais eficaz que o placebo na melhora dos sintomas dispépticos.

 Effect of the Helicobacter pylori eradication in patients with functional dyspepsia: randomised placebo-controlled trial - Med Clin (Barc). 2005 Mar 26; 124(11):401-5.


IMPORTANTE

  •  Procure o seu médico para diagnosticar doenças, indicar tratamentos e receitar remédios. 
  • As informações disponíveis no site da Dra. Shirley de Campos possuem apenas caráter educativo.
Publicado por: Dra. Shirley de Campos
versão para impressão

Desenvolvido por: Idelco Ltda.
© Copyright 2003 Dra. Shirley de Campos