Meio Ambiente/Ecologia - Hyalinobatrachium uranoscopum- perereca-de-vidro
Esta página já teve 132.444.115 acessos - desde 16 maio de 2003. Média de 24.705 acessos diários
home | entre em contato
 

Meio Ambiente/Ecologia

Hyalinobatrachium uranoscopum- perereca-de-vidro

08/07/2005
 

Taxonomia:

Filo: Cordados
Sub-Filo: Vertebrados
Super-Classe: Tetrápodo
Sub-Classe: Diapsida
Classe: Lissamphibia
Super-Ordem: Salientia
Ordem: Anura
Família: Centrolenidae
Gênero: Hyalinobatrachium
Espécie: Hyalinobatrachium uranoscopum

Nome popular: Pererequinha-verde de ventre transparente e focinho espatulado, perereca-de-vidro, rã-vidro.

Distribuição: Lado Oeste do Brasil de Minas Gerais e áreas de floresta atlântica ombrófila mista de Santa Catarina até Rio de Janeiro e também no nordeste da Argentina (Frost, 2002). 

Características: É uma perereca pequena medindo aproximadamente 21 mm. Possui um colorido verde e ventre transparente, tendo o focinho espatulado e voz mais longa que H. eurygnathum (Carvalho-e-Silva & Izecksohn, 2001).

Status Populacional: Essa espécie encontra-se na Lista Vermelha da Fauna Ameaçada de Extinção no Rio Grande do Sul classificada como Vulnerável. Não tolera águas poluídas, por isso ela desapareceu em muitos lugares.

Hábitos: Vive em arbustos das margens dos córregos e ribeirões das matas de encosta. Seus trilos são ouvidos com freqüência à noite (Carvalho-e-Silva & Izecksohn, 2001).

Alimentação: Até o presente momento, não houve estudos sobre a dieta de Hyalinobatrachium uranoscopum.

Reprodução: Esta espécie ocorre em áreas de floresta primária e utiliza como ambiente de reprodução rios com mais de 1 metro de largura. Deposita seus ovos (cerca de 50) no limbo de folhas pendentes sobre a água. As larvas, após algum tempo, caem na água e costumam se enterrar um pouco na areia do fundo dos córregos e dos ribeirões, onde se desenvolve a metamorfose (Carvalho-e-Silva & Izecksohn, 2001).

Bibliografia
IZECKSOHN, E.; CARVALHO-E-SILVA, S. P. Anfíbios do município do Rio de Janeiro. Rio de Janeiro: Editora UFRJ, 2001. 148p.
FROST, D. R. 2002. Amphibian Species of the World: an online reference.
V2.21 (15 July 2002). Acessado em 19 de abril de 2004
http://research.amnh.org/herpetology/amphibia/index.html

Netografia
http://www.ra-bugio.org.br/Especie/Ra/riachos.htm
http://www.herpbreeder.com/worldspecies/Salientia/centrolenidae/hyalinobatrachium.htm
http://elib.cs.berkeley.edu/cgi

 

www.ibama.gov.br


IMPORTANTE

  •  Procure o seu médico para diagnosticar doenças, indicar tratamentos e receitar remédios. 
  • As informações disponíveis no site da Dra. Shirley de Campos possuem apenas caráter educativo.
Publicado por: Dra. Shirley de Campos
versão para impressão

Desenvolvido por: Idelco Ltda.
© Copyright 2003 Dra. Shirley de Campos