-
Esta página já teve 132.446.179 acessos - desde 16 maio de 2003. Média de 24.705 acessos diários
home | entre em contato
 

Gastroenterologia/Proctologia/Fígado

Diagnóstico e principais manifestações da Doença celíaca

12/08/2005


A doença celíaca, também denominada de enteropatia sensível ao glúten, é afecção auto-imune caracterizada principalmente por lesão da mucosa do intestino. Nas doenças autoimunes existe alteração do nosso sistema de defesa em que o sistema imunológico produz anticorpos contra nossas próprias células e tecidos. O fator desencadeante do processo autoimune é, na doença celíaca, o glúten, substância contida no trigo, centeio,  cevada e aveia. O diagnóstico da doença celíaca é baseado em positividade de testes sorológicos específicos e, principalmente na presença de lesões características na mucosa do intestino. Tanto as lesões da mucosa do intestino como as manifestações clínicas a elas associadas normalizam com a adoção de dieta completamente isenta de glúten.

          Em sua forma clássica a doença celíaca manifesta-se através de sintomas de má-absorção dos alimentos, com conseqüente perda de peso progressiva, evacuações volumosas e amolecidas e, em crianças retardo do crescimento. Sabe-se atualmente, no entanto que a doença celíaca pode e freqüentemente se manifesta de forma atípica, principalmente nos adultos, podendo se exteriorizar através de cansaço excessivo, letargia, irritabilidade, anemia resistente ao tratamento, puberdade atrasada, sub-fertilidade ou infertilidade, osteoporose e artralgias. Devido à grande variedade de sintomas, a doença celíaca é uma das doenças em que mais tempo transcorre entre o aparecimento das primeiras manifestações e o diagnóstico definitivo.

            O diagnóstico baseia-se na positividade de testes sorológicos sendo os mais confiáveis o teste de anti-endomísio e o teste de anti-transglutaminase. O diagnóstico sempre deverá ser confirmado pelo exame direto da mucosa do intestino o que é feito por meio de endoscopia digestiva e biopsia. Sendo o tratamento constituído por dieta de isenção, que deverá ser permanente, é imprecindível que o diagnostico seja firmado antes de se instituir a dieta apropriada, desde que a retirada do glúten irá alterar o resultado tanto dos teste sorológicos como do exame da mucosa do intestino.

 


Prof. Riccardo Pratesi


IMPORTANTE

  •  Procure o seu médico para diagnosticar doenças, indicar tratamentos e receitar remédios. 
  • As informações disponíveis no site da Dra. Shirley de Campos possuem apenas caráter educativo.
Publicado por: Dra. Shirley de Campos
versão para impressão

Desenvolvido por: Idelco Ltda.
© Copyright 2003 Dra. Shirley de Campos