Geriatria/Gerontologia/Idoso - Osteoporose e fraturas vertebrais
Esta página já teve 133.162.616 acessos - desde 16 maio de 2003. Média de 24.660 acessos diários
home | entre em contato
 

Geriatria/Gerontologia/Idoso

Osteoporose e fraturas vertebrais

16/11/2005
 


Artigo publicado no European Journal of Trauma, sobre fraturas vertebrais osteoporóticas, com foco em vertebroplastia e cifoplastia descreve que devido a um aumento demográfico nos pacientes com osteoporose, a epidemiologia das fraturas vertebrais se alterou. A osteoporose é caracterizada pela baixa densidade óssea, deterioração microarquitetural do tecido ósseo e força óssea prejudicada, levando a uma fragilidade óssea aumentada e susceptibilidade à fratura.

 

A deformidade vertebral assintomática foi  associada ao risco subseqüente de  fraturas sintomáticas, particularmente fraturas vertebrais e risco de mortalidade aumentado após uma fratura prévia. Após a primeira fratura osteoporótica em qualquer sítio, o risco para novas fraturas aumentou dramaticamente.

 

A osteoporose representa, além da origem de tais fraturas vertebrais, um problema na osteofixação e estabilidade do implante no tratamento da fratura em cirurgia ortopédica. Duas novas estratégias de tratamento de vertebroplastia e cifoplastia percutâneas têm recebido atenção mundial no tratamento de fraturas vertebrais osteoporóticas. Estudos observacionais de curto prazo e estudos caso-controle indicam que os resultados são favoráveis, com relação ao alívio da dor e estado funcional. Atualmente, não pode ser decidido se a aplicação interna de cimento ósseo para o corpo vertebral é efetiva com o tempo.

 

Os autores afirmaram que uma atenção especial tem sido dada à osteoporose subjacente em ordem a reduzir a incidência de mais fraturas nos pacientes com risco e que o diagnóstico e o tratamento da osteoporose têm que ser parte do conceito de tratamento das fraturas vertebrais osteoporóticas. Concluíram que, então, é importante que os cirurgiões ortopédicos identifiquem, avaliem e tratem os pacientes com fragilidade de fraturas por osteoporose de acordo com os protocolos de tratamento disponíveis atualmente.

Osteoporotic Vertebral Fractures - European Journal of Trauma; 2005; 31(5): 424-432

 

European Radiology

Publisher: Springer-Verlag GmbH

ISSN: 0938-7994 (Paper) 1432-1084 (Online)

DOI: 10.1007/s00330-005-2773-2

Issue:  Volume 15, Number 8

Date:  August 2005

Pages: 1521 - 1532

 

Musculoskeletal

Radiologic assessment of osteoporotic vertebral fractures: diagnostic and prognostic implications

Thomas M. Link , Giuseppe Guglielmi2, Cornelis van Kuijk3 and Judith E. Adams4

(1) 

Department of Radiology, University of California, San Francisco, 400 Parnassus Ave., A 367, P.O. Box 0628, San Francisco, CA 94143-0628, USA

 

(2) 

Department of Radiology, Scientific Institute Hospital Casa Sollievo della Sofferenza, San Giovanni Rotondo, Italy

 

(3) 

Department of Radiology, University Medical Center Radboud Nijmegen, Nijmegen, The Netherlands

 

(4) 

Imaging Science and Biomedical Engineering, University of Manchester, Manchester, UK

Received: 7 February 2005  Revised: 31 March 2005  Accepted: 5 April 2005  Published online: 20 April 2005

Abstract  As populations age osteoporosis becomes an increasingly important public health issue. Among osteoporotic fractures vertebral fractures are of particular relevance: they are the most common fractures, frequently are asymptomatic but have an important influence on prognosis and morbidity in the osteoporotic patient. Previous studies have suggested that these fractures are frequently not diagnosed and that radiologists miss a high percentage of osteoporotic, vertebral fractures present on lateral chest radiographs. The aims of this review are (1) to emphasize the important role that radiologists play in the accurate and clear reporting of vertebral fractures, (2) to provide guidance in assessing these fractures in radiographs, MRI and computed tomography imaging of the vertebral spine and (3) to sensitize the radiologist in diagnosing fractures in chest radiographs.

Keywords  Osteoporosis - Vertebral fractures - Radiographs - Computed tomography - Magnetic resonance imaging

The authors are members of the Osteoporosis Group of the European Society of Skeletal Radiology (ESSR).


Thomas M. Link
Email:
tmlink@radiology.ucsf.edu
Phone: +1-415-3538940
Fax: +1-415-4768550


IMPORTANTE

  •  Procure o seu médico para diagnosticar doenças, indicar tratamentos e receitar remédios. 
  • As informações disponíveis no site da Dra. Shirley de Campos possuem apenas caráter educativo.
Publicado por: Dra. Shirley de Campos
versão para impressão

Desenvolvido por: Idelco Ltda.
© Copyright 2003 Dra. Shirley de Campos