Imunologia/Imunidade -
Esta página já teve 135.293.075 acessos - desde 16 maio de 2003. Média de 24.662 acessos diários
home | entre em contato
 

Imunologia/Imunidade

Portadores de fibrose cística, Pseudomonas aeruginosa e a resposta imune TH2

01/02/2006

 

 

 

Os alemães publicaram, recentemente, no The Journal of Allergy and Clinical Immunology, um estudo em que avaliaram se o padrão de resposta imunológica TH1/TH2 está alterado em lavado broncoalveolar de pacientes portadores de fibrose cística e infectados por P aeruginosa. Segundo estudos prévios, a análise do sangue periférico pode não corresponder diretamente à resposta imunológica pulmonar local.

 

Infecção por Pseudomonas aeruginosa determina a evolução da fibrose cística pulmonar. Estudos prévios em amostras sangüíneas periféricas indicaram que a infecção por P aeruginosa associa-se à resposta imune predominantemente TH2, enquanto que respostas imunes TH1 acompanham-se de melhor prognóstico.

 

Lavado broncoalveolar foi obtido de 12 pacientes portadores de fibrose cística, cronicamente infectados por P aeruginosa, 11 pacientes portadores de fibrose cística e não infectados, e oito pacientes controle hígidos. Linfócitos CD4+ e CD8+ que expressavam CXCR3+ (TH1) e CCR4+ (TH2) foram quantificados por citometria de fluxo. Os níveis de quimiocinas e citocinas associadas à resposta TH1 (IL-2, IFN-g, IFN-g indutível por quimiotático de células a, monocinas indutíveis por IFN-g, proteína indutível por IFN-g de 10 kd) e associadas à resposta TH2 (IL-4, IL-5, IL-10, quimiocinas ativadas e reguladas pelo timo [TARC], quimiocina derivada de macrófagos) e um painel de moléculas pró-inflamatórias foram quantificados em nível protéico. Níveis de mRNA de quimiocinas foram avaliados em tempo real por reação em cadeia de polimerase associada à transcriptase reversa.

 

Pacientes portadores de fibrose cística e infectados por P aeruginosa apresentaram níveis significativamente superiores de células CCR4+CD4+ (TH2), IL-4, IL-13 e TARC, e níveis diminuídos de IFN-g, comparados aos níveis verificados em pacientes portadores de fibrose cística não infectados e em indivíduos controle. Níveis de IL-4, IL-13 e TARC no lavado broncoalveolar correlacionaram-se inversamente à VEF1 em pacientes portadores de fibrose cística e infectados por P aeruginosa.

 

Portanto, os pesquisadores concluíram que a prevalência de resposta imunológica pulmonar TH2 em pacientes portadores de fibrose cística e infecção por P aeruginosa é elevada. A modulação da resposta pulmonar TH2 em infecção por P aeruginosa pode ser uma opção para o tratamento da doença pulmonar causada por P aeruginosa em pacientes portadores de fibrose cística.

Pulmonary TH2 response in Pseudomonas aeruginosa-infected patients with cystic fibrosis
- The Journal of Allergy and Clinical Immunology 2006;117(1):204-211.


IMPORTANTE

  •  Procure o seu médico para diagnosticar doenças, indicar tratamentos e receitar remédios. 
  • As informações disponíveis no site da Dra. Shirley de Campos possuem apenas caráter educativo.
Publicado por: Dra. Shirley de Campos
versão para impressão

Desenvolvido por: Idelco Ltda.
© Copyright 2003 Dra. Shirley de Campos