Ginecologia/Mulher -
Esta página já teve 132.442.717 acessos - desde 16 maio de 2003. Média de 24.709 acessos diários
home | entre em contato
 

Ginecologia/Mulher

Fatores dietéticos, atividade física e composição corporal de mulheres na pós-menopausa com osteoporose

03/08/2006


Diet, physical activity and body composition of post-menopausal women with osteoporosis

 

PATRÍCIA DE SOUZA GENARO1; GISELLE A. P. PEREIRA2; MARCELO PINHEIRO3; VERA LÚCIA SZEJNFELD4; LÍGIA ARAÚJO MARTINI5 1Nutricionista pósgraduanda da FSP-USP – Área de concentração em Nutrição 2Aluna de Iniciação Científica da FSP - USP, bolsista FAPESP 3Assistente Doutor em Medicina – Médico Assistente da Disciplina de Reumatologia da UNIFESP-EPM 4Professora Adjunta da Disciplina de Reumatologia da UNIFESP – EPM 5Professora Doutora do Departamento de Nutrição da FSP-USP

Endereço para correspondência: Lígia A. Martini Departamento de Nutrição Faculdade de Saúde Pública – Universidade e São Paulo Av. Doutor Arnaldo, 715. CEP 01246-904 São Paulo, Brasil e-mail: lmartini@usp.br

ABSTRACT
Numerous metabolic, physiologic and functional changes take place in postmenopausal elderly women. This is due, in part, to changes in body composition, because of the loss of bone, reduction of muscle and increase of fat tissues. The purpose of the present study was to evaluate body composition, food intake and physical activity of elderly women. Twenty four women who attend the Osteoporosis Clinic of Hospital São Paulo, average age of 64.3?7.2 years-old, and body mass index of 25.6-3.3kg/m2, were invited to enroll in the study. Bone densitometry was used to assess body composition. The diet and physical activity were collected by means of a three-day diary and by the Beacke questionnaire, respectively. Average caloric intake was 1293-487Kcal/day. Protein, fat, carbohydrate and phosphorus intakes were 1.09-0.5g/kg/day, 35-16g/day, 185-76g/day and 901-76mg/ day, respectively, being all of them within the Dietary Recomended Intake (DRIs) guidelines. However, the mean calcium intake (663-320mg/day) was bellow the values recommended for this group (1200mg/day – DRI’s, 1997). Analysis of body composition showed that 83% of the participants were classified as obese (mean body fat 38.0-7.8%). Assessment of physical activity showed that 75% did not engage in any activity, being considered sedentary. These results emphasize the importance of a detailed assessment of food intake, of the level of physical activity and body composition, in order to prevent age-related bone metabolism co-morbidities.
Keywords: osteoporosis; calcium intake; body composition.

RESUMO
Em mulheres idosas, na pós-menopausa, ocorrem alterações metabólicas, fisiológicas e funcionais. Em parte, isso se deve as mudanças da composição corporal, pois há uma perda de massa óssea, diminuição da massa muscular e aumento da gordura corporal. O objetivo deste estudo foi avaliar a composição corporal, ingestão alimentar e atividade física de mulheres idosas. Vinte e quatro mulheres freqüentadoras do Ambulatório de Osteoporose do Hospital São Paulo, idade média (64,3 - 7,2 anos) e índice de massa corporal (25,6 - 3,3kg/m2), foram convidadas a participar do estudo. Para avaliar a composição corporal foi utilizada a densitometria óssea. A dieta e a atividade física foram coletadas por diário de três dias e pelo questionário de Beacke, respectivamente. A ingestão calórica média foi 1293 - 487Kcal/dia A ingestão de proteína, gordura, carboidrato, e fósforo foram 1,09 - 0,5g/Kg/ dia, 35 - 16g/dia, 185 - 76g/dia e 901 - 76mg/ dia, respectivamente, todos de acordo com o proposto pela Dietary Recomended Intake (DRIs). Porém, a ingestão média de cálcio (663 - 320mg/d) estava abaixo do recomendado para esse grupo (1200mg/d – DRI’s, 1997). A análise da composição corporal demonstrou que 83% das participantes foram classificadas como obesas (média de gordura corporal 38,0 - 7,8%). A avaliação da atividade física mostrou que 75% não realizavam atividade física sendo consideradas sedentárias. Os resultados enfatizam a importância de avaliação detalhada da ingestão alimentar, do nível de atividade física, e da composição corporal, a fim de prevenir comorbidades do metabolismo ósseo relacionadas ao envelhecimento.
Palavras-chave: osteoporose; ingestão de cálcio; composição corporal.

RESUMEN
Mujeres en la pos-menopausia sufren alteraciones metabólicas, fisiológicas y funcionales. En parte, eso se debe a los ambios en la composición corporal, porque hay una perdida de masa ósea, disminución de la masa muscular y aumento de la grasa corporal. El objetivo de este estudio fue evaluar la composición corporal, ingesta alimentar y actividad física de mujeres en lesa fase de la vida. Veinticuatro mujeres frecuentadoras de la Clínica de Osteoporosis del Hospital São Paulo con promedio de edad (64,3 - 7,2 años) e índice de masa corporal (25,6 - 3,3kg/m2), fueron invitadas a participar del estudio. Para evaluar la composición corporal fue utilizado densitometría ósea. La dieta y la actividad física fueron registradas por diario y por cuestionario dietético de BEACKE durante tres días. La ingestión calórica media fue de 1293 - 487Kcal/día. La ingesta de proteína, grasa, carbohidratos y fósforo fueron 1,09 - 0,5Kcal/día, 35 - 16g/día, 185 - 76g/día y 901 - 76mg/día, respectivamente, todos de acuerdo con lo propuesto por las Dietary Recommended Intakes (DRI). El promedio de ingesta de calcio (663 - 320mg/día) estaba abajo de lo recomendado para este grupo (1200mg/día – DRI‘s 1997). El análisis de la composición corporal demostró que el 83% de las participantes eran clasificadas como obesas (promedio de grasa corporal 38.0 - 7.8%). La evaluación física mostró que el 75% no realizaban actividad física siendo consideradas sedentarias. Esos resultados enfatizan la importancia de evaluar la alimentación y la práctica de ejercicios físicos además de una evaluación de la composición corporal para prevenir comorbidades relacionadas con el metabolismo óseo causadas por el envejecimiento.
Palabras clave: osteoporosis; ingesta de calcio; composición corporal.

http://www.sban.com.br/educacao/nutrire/30/nut30_5.htm


IMPORTANTE

  •  Procure o seu médico para diagnosticar doenças, indicar tratamentos e receitar remédios. 
  • As informações disponíveis no site da Dra. Shirley de Campos possuem apenas caráter educativo.
Publicado por: Dra. Shirley de Campos
versão para impressão

Desenvolvido por: Idelco Ltda.
© Copyright 2003 Dra. Shirley de Campos