- Medidas da Anvisa ampliam controle sobre inibidores de apetite
Esta página já teve 134.684.897 acessos - desde 16 maio de 2003. Média de 24.668 acessos diários
home | entre em contato
 

Endocrinologia/Glândulas

Medidas da Anvisa ampliam controle sobre inibidores de apetite

06/03/2007


imagem transparente

Durante a divulgação do relatório anual da Organização das Nações Unidas (ONU), nesta quinta-feira (1/3), que apontou o Brasil como o maior consumidor de inibidores de apetite no mundo, a Anvisa divulgou as ações que vem desenvolvendo desde 2006 para conter o uso indiscriminado desse tipo de medicamento.

“A necessidade de normas mais rígidas no que se refere ao controle de medicamentos anorexígenos tem sido amplamente discutida internamente pela Agência. Por isso, no ano passado, abrimos a Consulta Pública 89 com a proposta de mudança do receituário para prescrição dos inibidores de apetite”, afirmou o diretor-adjunto da Anvisa, Norberto Rech.

Outra medida que irá contribuir para o controle da prescrição desses medicamentos é o Sistema Nacional de Gerenciamento de Produtos Controlados, que vai melhorar a qualidade da informação sobre a venda de produtos controlados. “É fundamental que o profissional receba informações qualificadas e isentas do ponto de vista sanitário, e não fique refém do setor produtivo, que tem interesses comerciais”, esclarece o diretor.

Saiba mais sobre as medidas da Anvisa para ampliar o controle sobre os inibidores de apetite.

Fonte: Consulfarma - do site da ANVISA  

Nossas notícias são retiradas na íntegra dos sites de nossos parceiros. Por esse motivo, não podemos alterar o conteúdo das mesmas até em casos de erros de digitação.


http://www.portaldoconsumidor.gov.br/noticia.asp?busca=sim&id=7393


IMPORTANTE

  •  Procure o seu médico para diagnosticar doenças, indicar tratamentos e receitar remédios. 
  • As informações disponíveis no site da Dra. Shirley de Campos possuem apenas caráter educativo.
Publicado por: Dra. Shirley de Campos
versão para impressão

Desenvolvido por: Idelco Ltda.
© Copyright 2003 Dra. Shirley de Campos