-
Esta página já teve 132.501.230 acessos - desde 16 maio de 2003. Média de 24.702 acessos diários
home | entre em contato
 

Endocrinologia/Glândulas

Efeitos do índice glicêmico no balanço energético.

02/07/2007

Arquivos Brasileiros de Endocrinologia & Metabologia

 

Resumo

GUTTIERRES, Ana P.M. e ALFENAS, Rita de Cássia G.  Arq Bras Endocrinol Metab, abr. 2007, vol.51, no.3, p.382-388. ISSN 0004-2730.

A prevalência da obesidade vem crescendo nas últimas décadas. Associado a este fato, tem-se observado uma mudança no padrão dietético da população em geral, no que diz respeito a um maior consumo de carboidratos. Segundo alguns autores, o índice glicêmico (IG) dos alimentos afeta a composição e o peso corporal. A presente revisão de literatura teve como objetivo avaliar os efeitos do IG sobre apetite, saciedade e composição corporal. A partir das evidências científicas analisadas, foi possível constatar que a maioria dos estudos que atribuem efeitos positivos ao IG é cercada de limitações metodológicas. Estudos bem delineados não observaram benefícios do IG sobre os parâmetros citados acima. Diante disso, conclui-se que o IG apresenta pouca aplicabilidade na prática clínica, como uma ferramenta capaz de controlar a saciedade, reduzir o apetite e, conseqüentemente, a prevalência de obesidade.

Palavras-chave : Índice glicêmico; Saciedade; Apetite; Composição corporal.

        · resumo em inglês     · texto em português     · pdf em português

 

 

 


IMPORTANTE

  •  Procure o seu médico para diagnosticar doenças, indicar tratamentos e receitar remédios. 
  • As informações disponíveis no site da Dra. Shirley de Campos possuem apenas caráter educativo.
Publicado por: Dra. Shirley de Campos
versão para impressão

Desenvolvido por: Idelco Ltda.
© Copyright 2003 Dra. Shirley de Campos