Diabete/Diabetes -
Esta página já teve 135.258.605 acessos - desde 16 maio de 2003. Média de 24.664 acessos diários
home | entre em contato
 

Diabete/Diabetes

Cateterismo cardíaco, diagnóstico (angiografia) e terapêutico (angioplastia) na doença arterial coronária dos pacientes diabéticos.

17/10/2007

Arquivos Brasileiros de Endocrinologia& Metabologia

 

Resumo

LIMA, Valter C.  Arq Bras Endocrinol Metab, mar. 2007, vol.51, no.2, p.299-304. ISSN 0004-2730.

O rastreamento, o diagnóstico e a revascularização da doença arterial coronária (DAC) no diabetes tipo 2 representam enormes desafios para a prática médica. Neste contexto, o cateterismo cardíaco diagnóstico (angiografia) e terapêutico (angioplastia) são recursos fundamentais na avaliação clínica e manejo da aterosclerose coronária. Avaliações das particularidades anatômicas da DAC no diabetes são detalhadamente caracterizadas pela angiografia coronária, associada ou não ao ultra-som intracoronário. Por outro lado, a resposta pior aos procedimentos de revascularização (angioplastia e cirurgia) da DAC nos diabéticos representa umas das áreas de maior investigação clínica contemporânea. A despeito das controvérsias, cerca de um quarto dos pacientes submetidos a angioplastia e um terço dos pacientes submetidos a cirurgia são diabéticos. Dois grandes estudos multicêntricos randomizados, em andamento, investigam o melhor manejo da DAC nos diabéticos. O BARI 2D está randomizando pacientes com DAC assintomáticos ou com sintomas leves para tratamento clínico ou revascularização (angioplastia ou cirurgia, conforme melhor julgamento clínico). O FREEDOM está randomizando pacientes diabéticos estáveis com DAC multiarterial, para angioplastia com stent farmacológico ou cirurgia, com ou sem uso de circulação extra-corpórea. Enquanto as evidências não estão disponíveis, a prática médica atual é balanceada por um conjunto de variáveis na decisão sobre a melhor alternativa de revascularização. Condições que favorecem a angioplastia: estenoses curtas, vasos grandes, ausência de estenose na artéria descendente anterior (ADA), cirurgia de revascularização prévia e risco cirúrgico elevado. Condições que favorecem a indicação de cirurgia: estenoses longas, vasos pequenos, presença de estenose da ADA e cirurgia valvar associada.

Palavras-chave : Doença arterial coronária; Diabetes mellitus; Cateterismo cardíaco; Angiografia; Angioplastia.

        · resumo em inglês     · texto em português     · pdf em português

 

 

http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_abstract&pid=S0004-27302007000200020&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt

 

 


IMPORTANTE

  •  Procure o seu médico para diagnosticar doenças, indicar tratamentos e receitar remédios. 
  • As informações disponíveis no site da Dra. Shirley de Campos possuem apenas caráter educativo.
Publicado por: Dra. Shirley de Campos
versão para impressão

Desenvolvido por: Idelco Ltda.
© Copyright 2003 Dra. Shirley de Campos