-
Esta página já teve 132.540.242 acessos - desde 16 maio de 2003. Média de 24.700 acessos diários
home | entre em contato
 

Câncer/Oncologia/Tumor

Estimativas das Taxas Brutas de Incidência e Mortalidade por 100.000 e de Números de Casos Novos e de Óbitos por Câncer, Segundo Localização Primária

28/06/2008
MATO GROSSO DO SUL / Homens e Mulheres
Estimativas das Taxas Brutas de Incidência e Mortalidade por 100.000 e de Números de Casos Novos e de Óbitos por Câncer, Segundo Localização Primária
Período: 2008
HOMENS
LOCALIZAÇÃO PRIMÁRIA NEOPLASIA MALIGNA ESTIMATIVAS DE CASOS NOVOS
ESTADO CAPITAL
CASOS TAXA BRUTA CASOS TAXA BRUTA
Próstata 720 60,88 280 75,62
traqéia, Brônquio e Pulmão 230 19,12 80 22,63
Estômago 210 17,46 60 16,64
Cólon e Reto 160 13,7 80 21,04
Cavidade Oral 110 9,24 40 12,24
Esôfago 110 9,13 40 10,28
Leucemias 70 6,21 30 8,92
Pele Melanoma 20 1,88 ** 3,26
Outras Localizações 770 65,08 280 76,27
Subtotal 2.400 202,84 900 245,15
Pele não Melanoma 690 58,37 230 62,34
Todas as Neoplasias 3.090 261,16 1.130 309,11
MULHERES
LOCALIZAÇÃO PRIMÁRIA NEOPLASIA MALIGNA ESTIMATIVAS DE CASOS NOVOS
ESTADO CAPITAL
CASOS TAXA BRUTA CASOS TAXA BRUTA
Mama feminina 560 47,69 250 63,72
Colo do Útero 300 25,06 120 30,87
Cólon e Reto 160 13,31 70 18,84
Traquéia, Brônquio e Pulmão 130 10,68 40 11,71
Estômago 80 6,8 30 7,65
Leucemias 60 5,05 20 5,89
Cavidade Oral 40 3,73 20 0,1
Pele Melanoma 30 2,42 ** 2,33
Esôfago 30 2,6 ** 2,87
Outras Localizações 640 54,2 190 48,99
Subtotal 2.030 171,91 760 195,95
Pele não Melanoma 890 75,51 320 81,64
Todas as Neoplasias 2.920 247,11 1.080 277,83

Fonte:

http://www.saude.ms.gov.br/index.php?templat=vis&site=116&id_comp=1098&id_reg=888&voltar=lista&site_reg=116&id_comp_orig=1098

 

 


IMPORTANTE

  •  Procure o seu médico para diagnosticar doenças, indicar tratamentos e receitar remédios. 
  • As informações disponíveis no site da Dra. Shirley de Campos possuem apenas caráter educativo.
Publicado por: Dra. Shirley de Campos
versão para impressão

Desenvolvido por: Idelco Ltda.
© Copyright 2003 Dra. Shirley de Campos