AIDS / HIV -
Esta página já teve 134.662.572 acessos - desde 16 maio de 2003. Média de 24.668 acessos diários
home | entre em contato
 

AIDS / HIV

Vulvovaginites em mulheres infectadas pelo vírus da imunodeficiência humana

21/07/2008

Revista Brasileira de Ginecologia e Obstetrícia

 

Rev. Bras. Ginecol. Obstet. vol.30 no.3 Rio de Janeiro Mar. 2008

doi: 10.1590/S0100-72032008005000002 

ARTIGOS ORIGINAIS

 

Vulvovaginites em mulheres infectadas pelo vírus da imunodeficiência humana

 

Vaginal infections in human immunodeficiency virus-infected women

 

 

Paula Matos OliveiraI; Rita Elizabeth MascarenhasII; Suzana Ramos FerrerII; Rone Peterson Cerqueira OliveiraIII; Iane Érica Marques TravessaIV; Marques Vinícius de Castro GomesIV; Maria Fernanda Rios GrassiV

IPós-graduanda do Programa de Pós-graduação em Medicina e Saúde e Professora de Ginecologia da Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública – EBMSP – Salvador (BA), Brasil
IIDoutora; Professora de Microbiologia da Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública– EBMSP – Salvador (BA), Brasil
IIIPós-graduando do Programa de Pós-graduação em Medicina e Saúde da Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública – EBMSP – Salvador (BA), Brasil
IVAcadêmico de Medicina da Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública – EBMSP – Salvador (BA), Brasil; Bolsista de Iniciação Científica da Fundação de Amparo a Pesquisa da Bahia – Fabesp – Bahia (BA), Brasil
VDoutora; Professora do Programa de Pós-graduação em Medicina e Saúde da Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública – EBMSP – Salvador (BA), Brasil; Pesquisadora Associada da Fundação Oswaldo Cruz – Fiocruz – Bahia (BA), Brasil

Correspondência

 

 


RESUMO

OBJETIVO: comparar a freqüência de vulvovaginites em mulheres infectadas pelo vírus da imunodeficiência humana (HIV) com mulheres não infectadas.
MÉTODOS: estudo de corte transversal com 64 mulheres infectadas pelo HIV e 76 não infectadas. Foram calculadas as freqüências de vaginose bacteriana, candidíase e tricomoníase, que foram diagnosticadas por critérios de Amsel, cultura e exame a fresco, respectivamente. Para análise dos dados, utilizaram-se o teste do c2, teste exato de Fisher e regressão múltipla para verificar a independência das associações.
RESULTADOS: a infecção vaginal foi mais prevalente em pacientes infectadas pelo HIV quando comparadas ao Grupo Controle (59,4 versus 28,9%, p<0,001; Odds Ratio=2,7, IC95%=1,33-5,83, p=0,007). Vaginose bacteriana ocorreu em 26,6% das mulheres HIV positivas; candidíase vaginal, em 29,7% e tricomoníase, em 12,5%. Todas foram significativamente mais freqüentes no grupo de mulheres infectadas pelo HIV (p=0,04, 0,02 e 0,04, respectivamente).
CONCLUSÕES: vulvovaginites são mais freqüentes em mulheres infectadas pelo HIV.

Palavras-chave: HIV, Vaginose bacteriana, Candidíase, Tricomoníase, Vulvovaginite, Questionários


ABSTRACT

PURPOSE: to compare the frequency of vulvovaginitis in women infected with human imunnodeficiency virus (HIV) with the frequency in non-infected women.
METHODS: a transversal study including 64 HIV infected women and 76 non-infected ones. The frequencies of bacterial vaginosis, candidiasis and trichomoniasis, diagnosed by Amsel's criteria, culture and fresh exam, respectively, were calculated. Chi-square test, Fisher's exact test and multiple regressions to verify the independence of associations were used to analyze the data.
RESULTS: the vaginal infection was more prevalent in HIV infected patients, as compared to the control group (59.4 versus 28.9%, p<0,001; Odds Ratio=2.7, IC95%=1.33-5.83, p=0.007). Bacterial vaginosis occurred in 26.6% of the positive-HIV women; vaginal candidiasis, in 29.7% and trichomoniasis, in 12.5% of them. All the infections were significantly more frequent in the group of HIV infected women (p=0.04, 0.02 e 0.04, respectively).
CONCLUSIONS: vulvovaginitis is more frequent in HIV infected women.

Keywords: HIV, Vaginosis, bacterial, Candidiasis, Trichomonas infections, Vulvovaginitis, Questionnaires

 

http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-72032008005000002&lng=en&nrm=iso&tlng=pt

 

 


IMPORTANTE

  •  Procure o seu médico para diagnosticar doenças, indicar tratamentos e receitar remédios. 
  • As informações disponíveis no site da Dra. Shirley de Campos possuem apenas caráter educativo.
Publicado por: Dra. Shirley de Campos
versão para impressão

Desenvolvido por: Idelco Ltda.
© Copyright 2003 Dra. Shirley de Campos