-
Esta página já teve 132.435.794 acessos - desde 16 maio de 2003. Média de 24.708 acessos diários
home | entre em contato
 

Enxaqueca/Cefaléia/Dor de cabeça

Exercício relacionado à Dor de Cabeça

22/06/2003

 

A relação da dor de cabeça com o exercício foi notada desde 300 D.C por Hipócrates. Os tipos de dor de cabeça incluem dores de cabeça por esforço e enxaquecas. Ambas podem ocorrer com atletas ou praticantes de atividades físicas em geral.Esta matéria faz uma revisão sobre a dor de cabeça e sua relação com o exercício físico , principalmente a enxaqueca.

Em 1932, a enxaqueca já era reconhecida e relatada em exercícios como a Musculação e Lutas Marciais. Estudos recentes revelam que quando se prende a respiração durante o exercício, ocorre um efeito na glote chamado
Manobra de Valsalva, ou seja , ela se fecha, aumentando a pressão na caixa toráxica e consequentemente é elevada a Pressão Arterial . Isso faz com que diminua a irrigação sanguínea em direção a cabeça, podendo causar: dores de cabeça, tontura e até desmaios. A dor de cabeça, então vai diminuindo e fica um pequeno incômodo por 4-6 horas. E com o tempo semanas e até meses chega ao fim. Tais pacientes ao serem examinados não foram diagnosticados com enxaqueca e mostraram um exame neurológica passivo, levando-se a crer que a dor foi devida ao mau uso da respiração. Devemos respirar normalmente durante os exercícios incluindo inspirações e expirações normais, mesmo em casos de força excessiva, fazermos expirações durante o esforço e inspirações no relaxamento.

Mas é importante diferenciar e observar que certos pacientes podem apresentar problemas intra-cranianos , e mostram sintomas do tipo:

Dores de cabeça severas;
Dores de cabeça que vão aumentando com o passar do tempo;
Aparecimento de dor de cabeça constante,sem costume;
Dores de cabeça ininterrúpta em apenas um lado da cabeça ;
Dor de cabeça atípica ou mudança de tipo de dor de cabeça;
Dor de cabeça que acorda o indivíduo durante a noite ou pela manhã;
Dor de cabeça crônica com dor localizada;
Pescoço enrigecido ou outros sinais de Meningite:
Sintomas como: perda de peso rápido, febre e mau-estar;
Sintomas extra-craniais como dores: nos sinos,ouvido ou olhos.

Uma análise clínica das dores de cabeça relacionadas ao exercício contrastam com aquelas relacionadas a traumatismos de crânio mostradas acima. Uma vez diagnosticadas é indicado o uso de analgésicos.


Fonte: (McCrory P. Recognizing exercise-related headache. Physician & Sports Medicine 1997;25(2):33-43)

Dor de Cabeça e Exercícios

 


IMPORTANTE

  •  Procure o seu médico para diagnosticar doenças, indicar tratamentos e receitar remédios. 
  • As informações disponíveis no site da Dra. Shirley de Campos possuem apenas caráter educativo.
Publicado por: Dra. Shirley de Campos
versão para impressão

Desenvolvido por: Idelco Ltda.
© Copyright 2003 Dra. Shirley de Campos