Alternativa/Fitoterapia/Acupuntura -
Esta página já teve 132.448.183 acessos - desde 16 maio de 2003. Média de 24.706 acessos diários
home | entre em contato
 

Alternativa/Fitoterapia/Acupuntura

Aceitação de práticas não-convencionais em saúde por estudantes de medicina da Universidade do Sul de Santa Catarina

20/10/2008

Revista Brasileira de Educação Médica

 

Rev. bras. educ. med. vol.31 no.3 Rio de Janeiro Sept./Dec. 2007

doi: 10.1590/S0100-55022007000300005 

PESQUISA

 

Aceitação de práticas não-convencionais em saúde por estudantes de medicina da Universidade do Sul de Santa Catarina

 

Acceptance of non-conventional health practices by medicine students from the Universidade do Sul de Santa Catarina

 

 

Irene C. Külkamp; Graciela D. Burin; Mariana H. M. de Souza; Patrícia da Silva; Anna Paula Piovezan

Universidade do Sul de Santa Catarina, Tubarão, Santa Catarina, Brasil

Endereço para correspondência

 

 


RESUMO

Este trabalho avaliou o conhecimento e aceitação das Práticas Não-Convencionais em Saúde (PNCS) por estudantes do curso de Medicina da Universidade do Sul de Santa Catarina (Unisul). A pesquisa realizada foi do tipo descritiva de campo, aplicada na forma direta extensiva por meio de questionários. As perguntas avaliaram o conhecimento e o interesse a respeito de PNCS. Os entrevistados (n = 197) afirmaram conhecer a maioria das PNCS apresentadas no estudo, destacando-se ioga (96,6%), homeopatia (92,9%), chás caseiros (91,9%), acupuntura e orações (88,8%), além de benzedeiras (83,2%), com porcentagem superior a 80%. Ainda que estas práticas não façam parte do currículo atual deste curso, mais de 50% dos alunos afirmaram ter interesse em aprender sobre 10 das 13 PNCS apresentadas neste estudo. Para PNCS como ioga, acupuntura, fitoterapia e orações, mais de 50% dos alunos afirmaram que indicariam ou apoiariam o uso delas por seus pacientes. Concluiu-se que há interesse dos acadêmicos em práticas não-convencionais, bem como evidências da necessidade de inclusão de disciplinas curriculares que abordem as PNCS nos cursos de graduação em Medicina.

Palavras-chave: Terapias Complementares; Educação; Estudantes de Medicina.


ABSTRACT

The purpose of this work carried out as a descriptive field study was to assess the acceptance of Non-Conventional Health Practices (NCHP) by medical students at the Universidade do Sul de Santa Catarina (UNISUL). The survey was conducted on the basis of direct extensive observation, by applying questionnaires for evaluating the knowledge and interest about NCHPs. The interviewed students (n = 197) claimed to know most NCHPs, especially yoga (96.6%), homeopathy (92.9%), homemade teas (91.9%), acupuncture and prayers (88.8%) as well faith healing (83.2%), all of which with percentages over 80%. Although such practices are not part of the syllabus, more than 50% of the students showed interest in learning at least 10 of the 13 NCHPs listed. Besides, more than 50% of the students stated that they would recommend or support the use of NCHPs such as yoga, acupuncture, phytotherapy and prayers. It was concluded that the students are interested in non-conventional practices and that disciplines approaching NCHPs should be included in the curriculum of medicine courses.

Key-words: Complementary Therapies; Education; Students, Medical

 

http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0100-55022007000300005&script=sci_arttext&tlng=enDirectory

 

 


IMPORTANTE

  •  Procure o seu médico para diagnosticar doenças, indicar tratamentos e receitar remédios. 
  • As informações disponíveis no site da Dra. Shirley de Campos possuem apenas caráter educativo.
Publicado por: Dra. Shirley de Campos
versão para impressão

Desenvolvido por: Idelco Ltda.
© Copyright 2003 Dra. Shirley de Campos