Imunologia/Imunidade - Perguntas e respostas em imunologia
Esta página já teve 110.799.505 acessos - desde 16 maio de 2003. Média de 27.762 acessos diários
home | entre em contato
 

Imunologia/Imunidade

Perguntas e respostas em imunologia

24/06/2003

1) O que é um anticorpo (imunoglobulina) e como é sua estrutura?

a) Anticorpo é uma proteína catalizadora de reações biológicas. É formado por três cadeias beta-pregueadas.

b) Anticorpo é uma proteína sintetizada por um animal em resposta a presença de uma substância exógena. É formado por duas cadeias leves e duas pesadas.

c) Anticorpo é um aminoácido sintetizado por um animal em resposta a presença de uma substância endógena.É formado por quatro cadeias leves.

2) Quantos tipos de Igs existem? Em que se diferenciam?

a) Existem cinco tipos de Igs(IgA, IgD, IgE, IgG e IgM). Elas diferem em características como: tamanho, carga, e solubilidade, e com base no seu comportamento com os antígenos.

b) Existem seis tipos de Igs(IgA, IgD, IgE, IgG, IgM e IgN). Elas diferem em características como: Tamanho, dobramento, PKa e no seu comportamento alostérico.

c) Existem dois tipos de Igs (IgG e IgM).Elas diferem em características como: número de cadeias e no seu comportamento alostérico.

3) Você sabe como um anticorpo específico é produzido?

a)Um anticorpo é formado em resposta a antígenos específicos, segundo a teoria da seleção clonal.

b) Um anticorpo é formado em resposta a componentes exógenos, segundo a teoria da seleção Natural.

c) Um anticorpo é formado em resposta a epítopos específicos, segundo a teoria da seleção de haptenos.

4) Porque há diversidade nos anticorpos e como é seu mecanismo?

a)A diversidade ocorre pois, há uma necessidade intrínseca de mais anticorpos que antígenos.O mecanismo é devido à falta de regulação nos genes das Igs.

b)A diversidade ocorre pois, a diversidade de antígenos é muito grande estes devem responder a todos os antígenos. O mecanismo é a recombinação sítio-específica dos genes das Igs e sua elevada taxa de mutação.

c)A diversidade ocorre pois os anticorpos têm de estar presentes em todas as partes do corpo e para tanto deve haver uma alta diversidade. O mecanismo é a duplicação dos genes da Igs que ocorre ao acaso.

5) Qual a diferença entre linfócito T citotóxico e linfócito T auxiliar?

a)Linfócito T citotóxico secreta hormônios protéicos denominados citocinas, cuja função é promover a proliferação e a diferenciação dos linfócitos T e outras células. Já os linfócitos T auxiliares lisam células que produzem antígenos estranhos.

b)Linfócito T auxiliar secreta uma toxina que atua diretamente no antígeno, ao contrário do linfócito T citotóxico que secreta uma toxina que atua em outras células que serão responsáveis pela destruição do antígeno.

c)Linfócito T auxiliar secreta hormônios protéicos denominados citocinas, cuja função é promover a proliferação e a diferenciação dos linfócitos T e outras células. Já os linfócitos T citotóxicos lisam células que produzem antígenos estranhos.

6) O que são MHC de classe I e II?

a)Produtos dos genes do MHC que irão apresentar antígenos protéicos aos linfócitos T.

b)Produtos dos genes do MHC que irão apresentar antígenos não-solúveis aos linfócitos B.

c)Produtos dos genes do MHC que irão reconhecer antígenos protéicos.

7) O que leva a rejeição dos transplantes?

a)As proteínas codificadas pelo MHC do órgão transplantado não reconhecem as moléculas do MHC do indivíduo o que leva a sua rejeição.

b)As proteínas codificadas pelo MHC no indivíduo transplantado não reconhecem o órgão transplantado levando à rejeição do mesmo.

c)As imunoglobulinas codificadas pelo MHC no indivíduo transplantado não reconhecem o órgão transplantado levando à rejeição do mesmo.

8) O que são os grupos de diferenciação CD8 e CD4 respectivamente?

a)Glicoproteínas da superfície dos linfócitos T expressas em subgrupos mutuamente exclusivos de linfócitos T maduros com padrões distintos de restrição do MHC.

b)Imunoglobulinas da superfície dos linfócitos T expressas em subgrupos mutuamente exclusivos de linfócitos T maduros com padrões distintos de restrição do MHC.

c)Glicoproteínas da superfície dos linfócitos B expressas em subgrupos mutuamente exclusivos de linfócitos T maduros com padrões distintos de restrição do MHC.

9) Qual a estrutura do receptor de célula T?

a)Uma cadeia alfa de 43 Kd (T alfa) unida por uma ponte de sulfeto a uma cadeia beta com 43 Kd (T beta).

b)Duas cadeias alfa de 43 Kd (T alfa) unida por uma ponte de sulfeto a uma cadeia beta com 43 Kd (T beta).

c)Três cadeias alfa de 43 Kd (T alfa) unida por uma ponte de sulfeto a uma cadeia beta com 43 Kd (T beta).

10) O vírus da AIDS leva a diminuição das células T devido ao...

a)Diminuição da pressão osmótica celular, perturbando o balanço iônico e causando a lise osmótica.

b)Diminuição da permeabilidade da membrana da célula pelas glicoproteínas virais e pelo brotamento de partículas virais, perturbando o balanço iônico e causando a lise osmótica.

c)Aumento da permeabilidade da membrana da célula pelas glicoproteínas virais e pelo brotamento de partículas virais, perturbando o balanço iônico e causando a lise osmótica.

 


IMPORTANTE

  •  Procure o seu médico para diagnosticar doenças, indicar tratamentos e receitar remédios. 
  • As informações disponíveis no site da Dra. Shirley de Campos possuem apenas caráter educativo.
Publicado por: Dra. Shirley de Campos
versão para impressão

Desenvolvido por: Idelco Ltda.
© Copyright 2003 Dra. Shirley de Campos