- Menos de 20% dos brasileiros consomem quantidade de frutas recomendada pela OMS
Esta página já teve 134.642.324 acessos - desde 16 maio de 2003. Média de 24.669 acessos diários
home | entre em contato
 

Nutrologia/Alimentos/Nutrição

Menos de 20% dos brasileiros consomem quantidade de frutas recomendada pela OMS

13/08/2011

Pesquisa da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) mostra que brasileiro gasta 6,2% da receita mensal com frutas

 
A presidente da CNA, senadora Kátia Abreu, durante apresentação de estudo pela Confederação Nacional de Agricultura, onde mostra que os brasileiros consomem poucas frutas e hortaliças A presidente da CNA, senadora Kátia Abreu, durante apresentação de estudo pela Confederação Nacional de Agricultura, onde mostra que os brasileiros consomem poucas frutas e hortaliças O presidente da Frente Parlamentar Mista da Fruticultura, deputado Antônio Balhmann, fala durante apresentação de estudo pela Confederação Nacional de Agricultura, onde mostra que os brasileiros consome O presidente da Frente Parlamentar Mista da Fruticultura, deputado Antônio Balhmann, fala durante apresentação de estudo pela Confederação Nacional de Agricultura, onde mostra que os brasileiros consome O presidente da Comissão Nacional de Fruticultura, Carlos Prado, a presidente da CNA, senadora Kátia Abreu, e o presidente da Frente Parlamentar Mista da Fruticultura, deputado Antônio Balhmann, durante A presidente da CNA, senadora Kátia Abreu, durante apresentação de estudo pela Confederação Nacional de Agricultura, onde mostra que os brasileiros consomem poucas frutas e hortaliças

Pesquisa da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) sobre o consumo de frutas e hortaliças mostrou que apenas 18,2% dos brasileiros ingerem a quantidade de frutas recomendada pela Organização Mundial da Saúde (OMS), que é 400 gramas por dia. Outro dado da pesquisa é que os brasileiros gastam, em média, 6,2% da renda com a aquisição de frutas, legumes e verduras.

O hábito de consumir frutas é pequeno, mesmo o Brasil sendo o terceiro maior produtor de frutas do mundo, avalia o estudo da CNA. A entidade levou quatro meses ouvindo 1.420 pessoas responsáveis pela alimentação de suas famílias, com diferentes níveis de escolaridade, de todas as classes sociais e regiões do país.

O presidente da Comissão Nacional de Fruticultura da CNA, Carlos Prado, considera que a pesquisa ajudará nas próximas ações da entidade e, a partir dela, será possível conversar com outras instituições sobre o problema da alimentação.

" Atribuo esses resultados, primeiro, à alimentação brasileira, que ainda não é muito saudável. Segundo, ao volume de produção do Brasil, que ainda tem que crescer e, com isso, conseguir uma redução de custo para que todos comam mais" , avaliou Prado.

A presidente da CNA, a senadora Kátia Abreu, acredita que é necessário fazer uma pesada campanha de marketing para aumentar o consumo de frutas. " Nós estamos constatando, por meio dos números da saúde, que os problemas nutricionais têm trazido uma carga muito pesada para o SUS [Sistema Único de Saúde]. O aumento do consumo de frutas serviria não só para o privilégio das questões econômicas, mas, principalmente, para as questões da saúde" , disse.

 
Fonte:
 
 
 
 


IMPORTANTE

  •  Procure o seu médico para diagnosticar doenças, indicar tratamentos e receitar remédios. 
  • As informações disponíveis no site da Dra. Shirley de Campos possuem apenas caráter educativo.
Publicado por: Dra. Shirley de Campos
versão para impressão

Desenvolvido por: Idelco Ltda.
© Copyright 2003 Dra. Shirley de Campos