-
Esta página já teve 132.489.880 acessos - desde 16 maio de 2003. Média de 24.704 acessos diários
home | entre em contato
 

Sono/Distúrbio do sono

Bruxismo do sono: possibilidades terapêuticas baseadas em evidências

22/08/2011

 

 

Eduardo MachadoI; Patricia MachadoII; Paulo Afonso CunaliIII; Cibele Dal FabbroIV

IEspecialista em Disfunções Temporomandibulares (DTM) e Dor Orofacial pela UFPR. Graduado em Odontologia pela UFSM
IIEspecialista em Prótese Dentária pela PUC-RS. Graduada em Odontologia pela UFSM
IIIDoutor em Ciências pela UNIFESP e Professor dos Cursos de Graduação e Pós-graduação em Odontologia da UFPR. Coordenador do Curso de Especialização em DTM e Dor Orofacial da UFPR
IVDoutora em Ciências pela UNIFESP. Mestre em Reabilitação Oral pela FOB/USP e Especialista em DTM e Dor Orofacial pelo CFO

Endereço para correspondência

 

 


RESUMO

INTRODUÇÃO: o bruxismo do sono (BS) é uma desordem de movimentos estereotipados e periódicos, associados ao ranger e/ou apertar de dentes durante o sono, decorrentes da contração rítmica dos músculos mastigatórios. Essa condição não é uma doença, porém quando exacerbada pode ocasionar desequilíbrio e alteração das estruturas orofaciais. Dessa forma, surge a necessidade de se obter terapêuticas efetivas e seguras para o controle e o manejo do paciente bruxômano. As alternativas de tratamento variam desde terapêuticas orodentais e farmacológicas até técnicas comportamentais-cognitivas.
OBJETIVOS:
através de uma revisão sistemática da literatura, tendo como bases de pesquisa a Medline, Cochrane, Embase, Pubmed, Lilacs e BBO, no período compreendido entre 1990 e 2008, e com enfoque em estudos clínicos randomizados e quasi-randomizados, revisões sistemáticas e meta-análises, esse trabalho teve como objetivo analisar e discutir métodos de tratamento para o BS.
RESULTADOS: pela análise da literatura verifica-se que existe uma grande quantidade de opções terapêuticas para o BS, porém muitas das terapias não têm suporte científico que as sustente. Assim, a escolha terapêutica deve ser pautada em evidências científicas e no bom senso clínico, objetivando uma melhora na qualidade de vida do paciente bruxômano.

Palavras-chave: Bruxismo do sono. Tratamento. Aparelhos orais. Medicamentos. Comportamental-cognitivo.

 

http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2176-94512011000200008

 

 


IMPORTANTE

  •  Procure o seu médico para diagnosticar doenças, indicar tratamentos e receitar remédios. 
  • As informações disponíveis no site da Dra. Shirley de Campos possuem apenas caráter educativo.
Publicado por: Dra. Shirley de Campos
versão para impressão

Desenvolvido por: Idelco Ltda.
© Copyright 2003 Dra. Shirley de Campos