-
Esta página já teve 133.045.172 acessos - desde 16 maio de 2003. Média de 24.670 acessos diários
home | entre em contato
 

Obesidade:Adulto/Infantil/Bariátrica

Pessoas obesas se alimentam com menos frequência, mas consomem mais calorias

23/11/2011
22/11/2011
imagem transparente

Estudo mostrou que esse tipo de comportamento acaba propiciando o sobrepeso e a obesidade

Médicos costumam alertar para os riscos de passar longos períodos de tempo sem comer: além de passar uma mensagem errada para o corpo, que passa a acumular mais as calorias ingeridas, faz com que as pessoas descontem comendo em maior quantidade em apenas uma refeição. Uma nova pesquisa mostra como esse comportamento errático está engordando a população. De acordo com um estudo publicado na edição de novembro do periódico científico Journal of the American Dietetic Association, pessoas adultas com sobrepeso se alimentam com menos frequência do que as que estão com peso normal. Apesar de realizarem menos refeições, elas consomem mais calorias e são menos ativas do que quem não tem quilos extras. 

CONHEÇA A PESQUISA

Título original: Eating Frequency Is Higher in Weight Loss Maintainers and Normal-Weight Individuals than in Overweight Individuals

Onde foi divulgada: Journal of the American Dietetic Association

Quem fez: Jessica Bachman

Instituição: Universidade de Marywood, na Pensilvânia

Dados de amostragem: 250 homens e mulheres

Resultado: Adultos com sobrepeso e obesidade se alimentam com menos frequência do que as pessoas que estão com peso normal. Eles também fazem menos exercícios físicos e consomem mais calorias

"Pesquisas cientificas já mostravam que a alimentação várias vezes ao dia está associada a um menor peso. Mas ninguém sabia o motivo", disse Jessica Bachman, autora do estudo e professora do departamento de Nutrição e Dieta da Universidade de Marywood, na Pensilvânia. O estudo adiciona evidências sobre a importância de se alimentar várias vezes ao dia.

O estudo acompanhou 250 pessoas durante um ano, que foram analisadas por dois grandes estudos patrocinados pelo Instituto Nacional de Saúde, dos Estados Unidos. Um estudo observou pessoas com o IMC (Índice de Massa Corporal — calcule a sua aqui) entre 25 e 47, que são consideradas com sobrepeso ou extremamente obesos.

Outro estudo considerou homens e mulheres com peso normal, com IMC entre 19 e 24,9. Metade deles havia perdido cerca de 14 quilos e conseguiu manter o peso por mais de cinco anos. Em média, os indivíduos com peso normal comeram três refeições e mais de dois lanches por dia, enquanto o grupo com excesso de peso fazia três refeições e um lanche durante o dia.

O grupo que mantinha o peso consumia 1.800 calorias por dia, em comparação com os voluntários com sobrepeso e obesidade, que consumiam mais de 2.000 calorias diárias.

Para Bachman, os lanches durante o dia podem ajudar a prevenir o ganho de peso ao diminuir a intensidade da fome. "Se você esperar dez horas até a próxima refeição, vai acabar consumindo muito mais comida", explica.

O estudo também mostrou que aqueles que conseguiam manter o peso eram mais fisicamente ativos e queimavam 3.000 calorias por semana com exercícios e outras atividades. O grupo de pessoas com sobrepeso e obesidade queimava apenas 800 calorias por semana com essas atividades.



Fonte: Veja Online

http://www.portaldoconsumidor.gov.br/noticia.asp?busca=sim&id=20100

 


IMPORTANTE

  •  Procure o seu médico para diagnosticar doenças, indicar tratamentos e receitar remédios. 
  • As informações disponíveis no site da Dra. Shirley de Campos possuem apenas caráter educativo.
Publicado por: Dra. Shirley de Campos
versão para impressão

Desenvolvido por: Idelco Ltda.
© Copyright 2003 Dra. Shirley de Campos