-
Esta página já teve 132.422.742 acessos - desde 16 maio de 2003. Média de 24.706 acessos diários
home | entre em contato
 

Cardiologia/Coração/CirurgCardíaca

Seria o ácido rosmarínico subestimado como droga cardiovascular experimental?.

08/05/2013

Acta Cirurgica Brasileira

Resumo

FERREIRA, Luciana Garros et al. Seria o ácido rosmarínico subestimado como droga cardiovascular experimental?. Acta Cir. Bras. [online]. 2013, vol.28, suppl.1, pp. 83-87. ISSN 1678-2674.  http://dx.doi.org/10.1590/S0102-86502013001300016.

OBJETIVO: A justificativa da revisão é analisar a atividade de Rosmarinus officinalis no sistema cardiovascular MÉTODOS: Uma busca de banco de dados MEDLINE (de janeiro de 1970 a dezembro de 2011), utilizando apenas o ácido rosmarínico como termo pesquisado. RESULTADOS: A busca referências revelou 509 referências sobre o ácido rosmarínico em 40 anos (a primeira referência é de 1970). Há uma prevalência poderoso antioxidante e estudos do câncer. Outras doenças são citados alguns, como o cérebro, inflamação (de Alzheimer e doença de Parkinson) e, a memória, hipertensão, alergia, diabetes, aterosclerose, e. É necessário ter em conta a ausência completa de estudos sobre a doença de artéria coronária, isquemia do miocárdio, insuficiência cardíaca ou isquemia / lesão de reperfusão. CONCLUSÃO: O ácido rosmarínico é subestimado como uma droga experimental cardiovascular e merece mais atenção.

Palavras-chave : Rosmarinus officinalis; Polyphenols; Doenças cardiovasculares.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · pdf em Inglês

 


IMPORTANTE

  •  Procure o seu médico para diagnosticar doenças, indicar tratamentos e receitar remédios. 
  • As informações disponíveis no site da Dra. Shirley de Campos possuem apenas caráter educativo.
Publicado por: Dra. Shirley de Campos
versão para impressão

Desenvolvido por: Idelco Ltda.
© Copyright 2003 Dra. Shirley de Campos