Imunologia/Imunidade -
Esta página já teve 133.091.198 acessos - desde 16 maio de 2003. Média de 24.665 acessos diários
home | entre em contato
 

Imunologia/Imunidade

Desvendado cromossomo gigante que comanda reação imunológica

24/10/2003


PARIS, 22 out (AFP) - Um dos maiores e mais importantes cromossomos do genoma humano, um gigante que reúne uma coleção de poderosos genes que regulam a reação imunológica, tem sido analisado por um consórcio internacional.


O cromossomo 6 é um gigante genético, respondendo sozinho por cerca de 6% de todo o DNA humano, segundo estudo que será publicado esta quinta-feira pela revista científica americana Nature.


Os 22 pares de genes humanos, junto com os genes X e Y que determinam o sexo, foram desvendados no exaustivo projeto de seqüenciamento genético, concluído em abril deste ano.


Desde então, os cientistas têm trabalhado na montanha de informações para proceder à análise de cada um dos cromossomos.


Sua tarefa principal tem sido identificar as seções que acreditem ser genes - os motores para a produção de proteínas - e as que são DNA "silencioso", sem nenhuma função conhecida.


Sétimo cromossomo a ser desvendado desta forma, o cromossomo 6 reúne 2.190 genes, dos quais 633 são legado inativo do passado genético da humanidade. Acredita-se que os 1.557 restantes sejam funcionais.


O cromossomo 6 é a localização de uma região-chave de genes imunológicos conhecida como Complexo de Histocompatibilidade Principal (MHC, sigla em inglês), que direciona as células T e os anticorpos para combater invasores do organismo.


Também foi relacionado com um gene chamado PARK2, implicado em uma forma trágica de mal de Parkinson juvenil, e com um gene conhecido como HFE, cuja disfunção causa hemocromatose, uma sobrecarga de ferro no fígado e no pâncreas.


A análise foi feita por uma equipe chefiada por Andrew Mungall, do Instituto Wellcome Trust Sanger, em Cambridge (Grã-Bretanha). Os outros cromossomos analisados até agora foram o 22, 21, 20, 14, Y e 7.


A pesquisa do genoma é uma das mais novas áreas de biologia, porém uma das mais excitantes.


Cientistas esperam que localizando os genes que causam doenças, eles possam abrir uma porta para drogas ou outros tratamentos para bloquear, talvez até mesmo reverter, a disfunção.



AFP


IMPORTANTE

  •  Procure o seu médico para diagnosticar doenças, indicar tratamentos e receitar remédios. 
  • As informações disponíveis no site da Dra. Shirley de Campos possuem apenas caráter educativo.
Publicado por: Dra. Shirley de Campos
versão para impressão

Desenvolvido por: Idelco Ltda.
© Copyright 2003 Dra. Shirley de Campos