Imunologia/Imunidade -
Esta página já teve 133.101.694 acessos - desde 16 maio de 2003. Média de 24.662 acessos diários
home | entre em contato
 

Imunologia/Imunidade

Diagnóstico de Micose Fungóide através da Relação CD8-CD3

12/01/2004



 

O diagnóstico histopatológico da micose fungóide é difícil, especialmente em lesões precoces que podem ser indistinguíveis das dermatoses inflamatórias. A micose fungóide é um proliferação clonal de linfócitos CD4+ epidermotrópicos maduros. Pesquisadores do Hospital Henri Mondor, na França, analisaram a contribuição da relação CD8-CD3 para o diagnóstico desta patologia.

Foram comparadas retrospectivamente as características imunofenotípicas de 30 casos de micose fungóide com 28 casos de dermatoses inflamatórias. A relação CD8-CD3 foi determinada separadamente na epiderme e na derme utilizando-se dois métodos, um quantitativo e outro semi-quantitativo. Encontraram-se valores significativamente menores para lesões de micose fungóide comparando-se com o controle, com a diferença sendo maior no componente epidermal.

Apesar de não ser totalmente especifica, uma baixa relação CD8-CD3 no componente epidermal de infiltrados linfocíticos sugerem o diagnóstico de micose fungóide. Isto pode ser avaliado na prática de rotina utilizando-se um método semi-quantitativo.

Value of the CD8-CD3 Ratio for the Diagnosis of Mycosis Fungoides - Modern Pathology


IMPORTANTE

  •  Procure o seu médico para diagnosticar doenças, indicar tratamentos e receitar remédios. 
  • As informações disponíveis no site da Dra. Shirley de Campos possuem apenas caráter educativo.
Publicado por: Dra. Shirley de Campos
versão para impressão

Desenvolvido por: Idelco Ltda.
© Copyright 2003 Dra. Shirley de Campos